Especial O Amor Está no ar: “Como Eu Era Antes de Você”

EM Resenhas
karina
1 ano atrás

como-eu-era-antes-de-voce-capaLivro: Como eu era antes de você
Autor: Jojo Moyes
Tradutor: Beatriz Horta
Nota: 5/5 – Favoritado
Editora: Intrínseca
Páginas: 320

Em “Como Eu Era Antes de Você” temos Louisa Clark que não tem muitas ambições, em seu núcleo familiar temos: os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Louisa (Lou) leva sua vida sem nenhuma grande meta ou desejo, tudo está perfeito para Lou incluindo o trabalho como garçonete num café (emprego esse que não paga muito, mas ajuda com as despesas) e o namoro com Patrick (um triatleta que não parece muito interessado nela). Quando o café declara falência, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações e muitas tentativas frustradas enfim Lou consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico.

Will Traynor é inteligente, rico e mal-humorado. Will está preso a uma cadeira de rodas depois de ter sido atropelado por uma moto (juro que isso não é spoiler), o Will de antes do acidente era ativo e esportivo e agora desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto.

É a partir desse plot que começamos a acompanhar o dia a dia da atrapalhada Lou e do Will ranzinza, eles são pessoas completamente diferentes que não sabiam o quanto um poderia ajudar o outro, a escrita da Jojo Moyes é completamente viciante, você lê um capitulo, depois outro e outro e aí vai enchendo o coração de esperança e refletindo e indignando-se… é uma verdadeira montanha russa de sentimentos. Mas não se engane, essa não é uma história só de amor, é muito mais que isso, é uma história de resgate, de respeito e até de superação.

“E sabe o que? Ninguém quer ouvir esse tipo de coisa. Ninguém quer ouvir você falar que está com medo, ou com dor, ou apavorado coma possibilidade de morrer por causa de alguma infecção aleatória e estúpida. Ninguém quer ouvir sobre como é saber que você nunca mais fará sexo, nunca mais comerá algo que você mesmo preparou, nunca vai segurar seu próprio filho nos braços. Ninguém quer saber que às vezes me sinto claustrofóbico estando nesta cadeira que tenho vontade de gritar feito louco só de pensar em passar mais um dia assim.”

Will tem alguns planos, Lou tem outros e no meio de tudo isso acontece a história de duas pessoas que crescem juntas como pessoas, que independente da dificuldade das escolhas de como viver ou não estão sempre inteiros um para o outro. A vida é feita desde pequenos detalhes; como ganhar de presente uma meia de abelhinha até ter que rever nossos próprios conceitos.

“Estou lhe dando isso porque poucas coisas ainda me fazem feliz, e você é uma delas”. “É isso. Você está marcada no meu coração, Clark. Desde o dia em que chegou, com suas roupas ridículas, suas piadas ruins e sua total incapacidade de disfarçar o que sente. Você mudou a minha vida (…).”

Esse livro é aquele tipo de livro que é impossível tomar partido de um dos lados, porque você vai ficar completamente do lado da Lou ao mesmo tempo que vai entender completamente o lado do Will e talvez seja exatamente isso que faz com que esse livro seja tão incrível! Existe uma frase do Franz Kafka diz que “Queremos livros que nos afetem como um desastre. Um livro deve ser como um machado diante de um mar congelado em nós”. Não há melhor frase para resumir esse livro, fique destruída com as últimas páginas, mas aprendi a lição, devemos apenas VIVER.

“Não pense muito em mim. Não quero que você fique toda sentimental. Apenas viva bem. APENAS VIVA.”

Ali em cima eu dei 5 estrelas, mas se eu pudesse teria dado estrelas infinitas… declaro aberta a contagem regressiva para a estreia da adaptação cinematográfica que chega aos cinemas brasileiros dia 16 de junho de 2016, peguem seus lencinhos e vamos nessa.

karina
Sobre karina

Biomédica por formação , bookaholic por paixão !

 

COMENTÁRIOS

  • Alessandra Fernandes

    Como Eu Era Antes de Você é maravilhoso! Li este ano e foi uma das melhores leituras feita na vida. Tudo fluiu perfeitamente e pude estar presente em cada cena, como se eu estivesse vivendo a história também. Me apaixonei por Lou e do seu jeitinho de ser. E como não se encantar por Will? Impossível, não é mesmo? É como você falou; São lados totalmente distintos, mas nós compreendemos completamente cada personagem.
    Se você compartilha também destas emoções que tive em ler esta obra, sabe o quanto estou ansiosa para assistir a adaptação. Estou contando os segundos!
    Resenha adorável!!
    Bjs, Karina!

  • Maria Fernanda Pinheiro

    EU AMEI ESSE LIVRO, me emocionei muito, chorei muito com o final, mesmo já tendo spoilers, me apeguei muito com cada personagem, a escrita da autora é maravilhosa e nos faz sentir junto cada cena, infelizmente não consegui ler ”Depois de você”, acho que não deveria ter uma continuação

  • Paola Maisi

    Amei tanto esse livro que é o meu preferido(li ano passado ainda), amei tanto to quase completando minha coleção da Jojo hahaha chorei horrores no final, mas quem não né?
    Realmente você fica dividida entre estar do lado da Lou e entender Will porém já vi algumas(poucas, mas vi) pessoas que não gostaram do livro por conta do final, acredito que a pessoa que não tenha gostado não se colocou totalmente no lugar do Will mas também não julgarei, claro.
    Também daria infinitas estrelas mas como não tem como, resta esperarmos o lançamento do filme(que é daqui dois dias e já estou morrendo por dentro de ansiedade).

  • Cris Setúbal

    Que resenha linda, amei!! Eu amo esse livro e entendo os motivos do Will (e da Jojo) por ter optado por aquele final, e sinceramente, acho que se fosse diferente, esse livro não seria o que é e nem teria causado tanto impacto em mim quanto causou. Acho que essa frase do Franz Kafkadiz tudo né? <3

  • suzana cariri

    Oi!
    Depois de ouvir tantos comentários sobre esse livro finalmente peguei para ler e adorei essa historia que é linda e emocionante com certeza não dar para tomar partido nessa historia, acontece exatamente isso que você disse comigo torci para a Lou e entendi o Will, uma das coisas que adorei na Jojo foi ela não ter deixado o livro muito dramático e simplesmente adorei essa frase do Franz Kafka !!

  • Julia Avila

    Oi Yasmin!!
    Eu li o livro depois que soube que ia lançar o filme, admito que não tinha me interessado pelo livro antes e já tinha visto esse outras dessa autora em varios lugares. E, sinceramente não me arrependo ter lido, ele é mtooooo bom. A loucura da Lou com sua roupas exoticas e a meia-calça de abelhinha me encantaram. E tambem não tenho como deixar de comentar sobre Will no inicio tao afastado e completamente irônico e depois passamos a entender o lado dele. Enfim, eu adorei tanto o livro que fui ler o segundo assim que terminei o primeiro e é perfeeito, acho que até gostei mais do segundo.